noite da última terça-feira, 27.02, foi de cerco aos motoristas que insistem em beber e dirigir. Durante as blitze da campanha “Sou pela Vida. Dirijo sem Bebida”, 12 motoristas foram presos nas ações especiais da Lei Seca realizadas em Belo Horizonte e em outras 17 cidades do interior de Minas. As prisões aconteceram por crime de trânsito – quando o teste do bafômetro acusa valores superiores a 0,33 miligramas por litro de ar expelido. Na operação desta terça, 2.236 motoristas foram abordados em todo Estado.

Abordagem Blitz Lei Seca - Omar Freire

As ações, que tiveram a coordenação da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), também registraram 36 infrações – quando o teor alcoólico registrado no etilômetro não ultrapassa os 0,33 mg/l. Neste caso, os condutores tiveram a carteira de habilitação recolhida e receberam multas no valor de R$ 2.934,70. As blitze da Lei Seca acontecem para orientar motoristas e chamar a atenção para os perigos da mistura álcool e direção.

Vale ressaltar que números do balanço divulgado recentemente pela Sesp mostram um crescimento de 43% nas abordagens de motoristas pelas polícias, assim como uma queda de 24% no número de motoristas flagrados cometendo crimes de trânsito.

Além de Belo Horizonte, os seguintes municípios também realizaram as blitze nesta terça-feira: Contagem, Betim, Juiz de Fora, Uberaba, Lavras, Divinópolis, Governador Valadares, Uberlândia, Patos de Minas, Montes Claros, Ipatinga, Barbacena, Curvelo, Teófilo Otoni, Unaí, Pouso Alegre e Poços de Caldas.

Sou pela Vida
A campanha tem a coordenação da Sesp e planejamento e execução conjunta com Polícia Militar, Polícia Militar Rodoviária, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Guarda Municipal de Belo Horizonte e de algumas cidades do interior e BHTrans.

A “Sou Pela Vida. Dirijo Sem Bebida” foi implementada pelo Governo de Minas Gerais com foco principal na fiscalização e combate a alcoolemia. Também são fiscalizadas outras questões que podem contribuir com a segurança dos mineiros e com a segurança das vias, como a habilitação dos condutores, quem são e se tem impedimentos na Justiça, aspectos de conservação e manutenção dos veículos, entre outras coisas.

Texto: Poliane Brandão

Foto: Omar Freire/Imprensa_MG